Segunda expansão do Porto do Pecém vai impulsionar o desenvolvimento econômico do Ceará

10 de fevereiro de 2022 - 16:00 |

Um dia histórico para a economia do Ceará. Para aumentar a capacidade operacional do Porto do Pecém, o governador Camilo Santana, acompanhado da vice-governadora Izolda Cela e de outras autoridades, inaugurou na manhã desta quinta-feira (10) a segunda expansão do terminal portuário cearense, que fica localizado em São Gonçalo do Amarante.

O Porto do Pecém agora conta novos equipamentos: portão de acesso (Gate 2); outra ponte para os píeres (Ponte 2); e um berço de atracação (Berço 10). Para isso, o Governo do Ceará investiu cerca de R$ 772,8 milhões nas obras.

“Estou muito feliz de entregar oficialmente todos esses investimentos realizados no Complexo do Pecém. Não tendo dúvida do potencial e do crescimento que teremos nos próximos anos com todo esse complexo, com a nova ZPE [Zona de Processamento de Exportação], a nova rodovia duplicada (CE-155) e parcerias com vários grandes players, principalmente com a estratégia para a instalação do Hub de Hidrogênio Verde aqui”, afirmou o governador Camilo Santana.

O porto integra o Complexo do Pecém (CIPP S/A), um empreendimento conjunto formado pelo Governo do Ceará e pelo Porto de Roterdã, o maior da Europa. O Complexo é composto ainda por uma área industrial e pela Zona de Processamento de Exportação (ZPE) do Ceará.

Para a vice-governadora Izolda Cela, mais desenvolvimento contribui para a redução das desigualdades sociais. “O Complexo do Pecém tem uma importância muito grande nesses desafios que o Ceará enfrenta para garantir mais desenvolvimento. Vamos continuar com esses avanços necessários como esse que comemoramos hoje. O Ceará se empenha para pensar um modelo de desenvolvimento que olhe para quem mais precisa”, ressaltou Izolda Cela

Também prestigiaram a inauguração o secretário do Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Maia Júnior; o secretário Chefe da Casa Civil, Chagas Vieira; o presidente do Complexo do Pecém, Danilo Serpa; o presidente da ZPE Ceará, Eduardo Neves; os ex-governadores do Ceará, Tasso Jereissati, Ciro Gomes e (atual senador) Cid Gomes; o senador Chiquinho Feitosa; o presidente da Assembleia Legislativa, Evandro Leitão; e os prefeitos professor Marcelo, de São Gonçalo do Amarante, e Vitor Valim, de Caucaia; entre outras autoridades e empresários.

Na oportunidade, os ex-governadores foram homenageados pela história que ajudaram a escrever no Ceará, com destaque para o capítulo do Porto do Pecém.

Porta para o desenvolvimento

Inaugurado em 2002, o Porto do Pecém se caracteriza como um terminal multicargas por movimentar granéis sólidos, granéis líquidos, contêineres e cargas em geral nos 10 berços que possui. Estrutura que o consolidou como Hub Portuário, conectado por sete linhas de cabotagem e três de longo curso.

“O Porto do Pecém se tornou um dos mais modernos e melhores complexos de importação, exportação, industrialização e integração comercial com o mundo do Brasil. A parceria com Roterdã foi estratégica. Ainda é o começo do que o Complexo do Pecém pode dar em termo de geração de empregos e riqueza para o Ceará. Parte do futuro e da esperança está concentrada nesse complexo”, avaliou Tasso Jeirrssati.

Em 2021, o terminal portuário cearense superou, pela primeira vez na sua história, a marca de 20 milhões de toneladas movimentadas. Ao todo, entre janeiro e dezembro do ano passado, 22.417.077 toneladas passaram pelo terminal portuário cearense, um crescimento de 40,7% em relação ao mesmo período de 2020, o que representou um recorde absoluto para o setor portuário cearense.

Para o ex-governador Ciro Gomes, os resultados do porto exemplificam como o Estado do Ceará consegue garantir mais qualidade de vida aos cearenses por meio de políticas continuadas e investimento público. “O Ceará hoje tem o maior investimento per capita público de todos os Estados brasileiros. O Ceará é o terceiro Estado do Brasil em volume absoluto de investimento. Isso não é por acaso. Isso tem a ver com padrão, decência e seriedade, além da valoração de um planejamento estratégico”, destacou.

“A compreensão de que há projetos que são projetos de Estado. O Tasso, Ciro, Eu e Camilo compreendemos a importância do Porto do Pecém para a nossa economia. Não poupamos esforços para que hoje a gente tivesse esse equipamento, que em janeiro deste ano, comparado a janeiro do ano passado, já cresceu mais 40%”, pontuou o senador Cid Gomes.

O titular da Sedet se emocionou ao relembrar como os últimos 20 anos marcaram a solidificação desse projeto estratégico para o desenvolvimento econômico. “O Ceará que nós estamos vivendo é resultado da inteligência, da dedicação e do amor a esse Estado”, disse Maia Júnior.

O Complexo do Pecém se prepara para sediar o Hub de Hidrogênio Verde – combustível que se apresenta como uma alternativa mais limpa para o futuro. Até o momento, 15 memorandos de entendimento foram assinados para a instalação do hub. “Há um olhar muito especial pelas vantagens do Ceará, como localização e estrutura portuária e da ZPE. Nós acreditamos que o Ceará está na vanguarda. Fizemos a cooperação na pandemia para a pesquisa, que é importante. Nós estamos com uma perspectiva muito positiva, inclusive com a primeira montagem de usina ainda em 2022”, garantiu Camilo Santana.

Ainda segundo o governador, o Hub de Hidrogênio Verde vai oportunizar a criação de uma cadeia de produção de energias renováveis, como a solar e eólica, em diversas regiões do Ceará.

Presentes

Também estiveram presentes o comandante da Capitania dos Portos do Ceará, capitão do Mar e Guerra Anderson Pessoa Valença; o desembargador Teodoro Silva Santos, representando a presidente do Tribunal de Justiça do Ceará; os reitores Cândido Albuquerque, da Universidade Federal do Ceará, e Hidelbrando Soares, da Universidade Estadual do Ceará; e outros executivos e autoridades.

FALE CONOSCO

Preencha o formulário abaixo,
será um prazer responder!

    ONDE ESTAMOS

    Rodovia CE- 155, Km 11.5, s/n - Esplanada do Pecém, São Gonçalo do Amarante - CE, 62674-000